domingo, setembro 20, 2009

DAM TOT DAM - AMSTERDAM 2009


O objectivo foi cumprido!

Esta foi a primeira vez que a Amélia aventurou-se a passar a barreira dos 10 km, e foi fazer esta corrida de Amsterdam na distância de 10 milhas (16,1 km). O tempo final de 1:34:34 , é muito bom, mas o que foi mais importante foi participar nesta festa da corrida de estrada, onde durante 2 dias 60 mil atletas fizeram-se à estrada e tornaram este o maior evento do mundo das corridas de estrada.

A nossa corrida foi bem controlada, pois era um teste de prova para a Amélia e até aos 10 km, foi uma maravilha ( 56 minutos) a uma média de 5:35 / 5:45 p/km. Depois dos 10km, deu-me uma ligeira destinção na perna e tive abrandar um pouco o ritmo, o que também foi benéfico par a Amélia, numa altura em que o sol intensificou a força, pois até aí tinha estado incoberto, o foi necessário adaptar a esta situação para os 6 km finais.
Mas todo o ambiente, já dentro de Zaandam, com milhares de pessoas durante o percurso, fizeram uma festa motivante, e uma grande ajuda psicológica, para quem nunca tinha feito uma prova com tal distância. Agora é continuar a fazer este tipo de corridas e tudo torna-se mais fácil para a Amélia fazer a meia maratona em 14 de marco do próximo ano.
O próximo grande desafio para ela será em Nijmegen ( Zevenheuvelenloop) a 15 de Novembro, mas pelo meio haverá mais algumas provas, de menor intensidade.
Parabéns à Amélia, foi bom fazermos esta prova juntos.

Sobre esta festa da corrida de estrada foram 25 mil participantes no sábado à noite, e 35 mil no domingo,e deram um colorido maravilhoso ao percurso entre Amsterdam e Zaandam, numa organização magnifica onde todos os pormenores são bem tratados. A Partida diferenciada de horários ( inicia-se às 11 horas o primeiro grupo e termina pelas 14;30 o último grupo), durante o percurso as dezenas orquestas/ grupos de música e danca, os pontos de abastecimento, também com muita fruta, no final a recepção dos participantes com a medalha e novamente bebidas. Os transportes de milhares de pessoas entre Amsterdam e Zaandam ( 300 autocarros) é mágnífico.Mais significativo para mim nesta organização é o transporte de todos os sacos dos participantes para a linha de chegada ( 16 km de distância), onde logo à partida esta tudo organizado de forma, que na chegada nada se perca. Então é um imenso serviço de logistica, com sacos fornecidos pela organização, e cerca de 20 camiões a transportarem todos aqueles milhares de sacos, e na chegada tudo arrumado de forma a que cada um obtrenha de volta os seus pertences. Um ponto importante da organização são os cerca de 1.600 voluntários que participam em toda esta máquina.
No final a organização deu a cada participante um livro com o historial de 25 anos desta prova, e nesse historial temos o ano de 1986, vencedor Fernando Mamede, que ainda hoje figura no top dos melhores resultados do percurso. Depois temos de 1987 novamente Mamede, mas em 7° lugar, e em 1988, Dionisio Castro venceu e ainda Domigos Castro e António Pinto participaram, após esses anos, só deu atletas do Quénia.
Este ano participaram Fernando Silva, que terminou em 12° lugar, e Inês Monteiro e Ana Dias, que se classificaram em 7° e 8° lugar respectivamente.

Para o ano, decerto que lá estaremos de novo. DAM TOT DAM É UMA FESTA!

Este é o link para a TV do Norte da Holanda com a reportagem da corrida ( em Holandês)

4 comentários:

Amelia disse...

Schat
Eu também fiquei muito feliz de alcancar os 16km foi gratificante.
Agradeco-te pois sem ti possivelmente não teria essa coragem.
Obrigado com muito amor

joaquim adelino disse...

É muito bonito ler a mensagem que a Amélia aqui deixou.
Eu apenas direi que a paixão tem destas coisas que superam dificuldades desde que elas sejam partilhadas e no vosso caso é um encanto. Fico feliz com isso meus amigos.
Parabéns a ambos pelo sucesso alcançado e obrigado também pela mensagem enviada sobre a Susana.
Abraços.

António Almeida disse...

Amigo José Xavier
parabéns aos dois em especial à esposa.
Continuação de boas corridas a dois.
Abraço.

luis mota disse...

Olá Xavier!
Grande dia para a Amélia. Muitos parabéns!
Claro que o Xavier também teve um bom desempenho.
Grande abraço,
Luís Mota