segunda-feira, outubro 03, 2011

Breda Singelloop - 2011

Pela primeira vêz fomos a Breda ( no domingo dia 02 de outubro)participar nesta famosa corrida. Infelizmente a Amélia está a voltas com um problema no pescoço e nas costas e optamos por ela não participar.

Estava muito calor, cerca de 25 graus, e era mais apropirado ficar a relaxar num dos agradáveis terraços da cidade, mas compromissos são compromissos e não se olha atráz para participar numa prova desta natureza, pelos canais circundantes da cidade. Este é o nome da prova ( Corrida dos canais circundantes de Breda), e que mágnifico ambiente !!
Milhares de pessoas estavam ao longo do percurso a incentivar os atletas, em cada esquina uma fanfarra, ou grupo de percursão,( eram dezenas !) para ajudar o ambiente e o incentivo dos atletas. Uma festa desportiva com milhares de participantes e milhares de apoiantes, num dia de verão em pleno outono, muito bonito ! Tive pena da Amélia ficar de fora nesta festa.

Participei na corrida de 10 km ( havia também provas de 5 -15-km e ½ maratona), com o objectivo de estar num ritmo um pouco mais competitivo com base na preparação da maratona de Amsterdam no próximo dia 16 outubro.
O objectivo foi conseguido, e fiquei satisfeito com a minha participação, nesta festa desportiva.
Foram 46minutos  e 30 segundos, um ritmo calmo, mas agradável. Gostei!


Fotos  do Bredase Singelloop 2011

3 comentários:

Carlos Lopes disse...

Parabéns ao casal... desejo as melhoras da Amélia.. um abraço

Filipe Fidalgo disse...

Amigo, Xavier.
Sempre a rolar. Parabéns por mais uma boa prestação e votos de rápidas e boas melhoras para Amélia.

Um abraço

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Que lugares bonitos. E tanta animação! (estive a ver as fotos)

diz o Xavier "Milhares de pessoas estavam ao longo do percurso a incentivar os atletas, em cada esquina uma fanfarra, ou grupo de percursão,( eram dezenas !)" --

Portugal, a mentalidade do português está a anos luz... e esse comportamento jamais foi visto aqui, e em provas cujo percurso é parte em Portugal e parte em Espanha, basta passarmos a fronteira e o ambiente é logo outro, em termos de público. Cá... muitas vezes ouvimos é "bocas" que nos deitam abaixo...

As melhoras da Amélia e beijinhos